garantia, troiagas, tury, landi renzo, pressor, defeito, problema, reparar, trocar, prazo, procedimento, envio, devolução

Prazos de Garantia

Todas as garantias são dadas pelos fabricantes, e variam de produto para produto. A nossa garantia legal é de 90(noventa) dias para defeito de fabricação e não desgaste de uso ou má instalação ou mal uso fora das normas de instalação. O prazo de Garantia é informado nas páginas de cada produto. Caso tenha alguma dúvida, entre em contato conosco. Os principais fabricantes do mercado, como:  TURY, STAG, LANDI RENZO, EMER, LOVATO, AEB, ITA e outros, oferecem a Garantia de 1(um) ANO para os conjuntos completos ou kit, e para peças e chicotes avulsos 90(noventa) dias

Todos os itens devem ser instalados conforme normas do INMETRO, RTQ-33 e RTQ-37, por profissionais experientes e qualificados e em empresas credenciadas pelo INMETRO.

Como são produtos de alta qualidade, caso apresentem inconvenientes de funcionamento, na maior partes das vezes é instalação incorreta, incompleta ou o veículo possui problemas que dificultam o funcionamento correto. Verifique detalhadamente a instalação conforme as normas de INMETRO, fabricantes do produto e do veículo, e senão foi danificado algo no veículo, principalmente porque os veículos atuais tem uma maior complexidade eletrônica.

Os grandes fabricantes de kit's ou conjuntos de peças, geralmente solicitam que o produto seja enviado para análise e reparo se necessário e depois devolvem o mesmo com relatório do que foi constatado e caso haja algum reparo feito. Mas o prazo pode levar até 30 dias. Alguns fabricantes procedem à troca da peça em garantia, como válvulas por exemplo. Alguns exemplos a seguir:

  • TURY, STAG(TURY) EMER(TURY), TOMASETTO(TURY), LANDI RENZO e LOVATO solicitam o envio da peça para análise e reparo e preferencialmente com a Nota Fiscal de instalação por profissional credenciado pelo INMETRO conforme exigência da norma..
  • Préssor, Ita, Rodima trocam o componente na 1ª garantia no distribuidor da marca e não da revenda, ou seja, nestes casos levamos o componente com possível inconveniente e providenciamos a troca, caso tenha disponível no distribuidor da marca.

ATENÇÃO: Os itens a seguir são de acordo com a página de DEVOLUÇÕES e TROCAS.

COMPRA ERRADA: Caso tenha adquirido alguma peça que não seja a recomendada para o veículo, pode-se fazer a DEVOLUÇÃO ou TROCA, respeitado as condições de partes danificadas e de devolução abaixo.

PARTES DANIFICADAS: As partes cortadas ou danificadas na instalação são de responsabilidade do comprador. Caso não haja como repor a parte danificada, como fios por exemplo, pode impedir a GARANTIA ou DEVOLUÇÃO a critério do fabricante. Veja o exemplo mais abaixo.

DEVOLUÇÃO: Os produtos deverão ser remetidos em suas embalagens originais e caso for constatado mal uso ou dano parcial ou total ao instalar/usar, o custo será por parte do comprador.

EXEMPLO EM CASO DE TROCA OU DEVOLUÇÃO:: um kit, variador, comutadora, emulador ou simulador possuem fios que ao serem cortados na instalação. E após esta instalação o chicote não poderá mais ser comercializado. No caso de garantia terá que adquirir outro chicote se disponível para venda à parte na fábrica. Senão arcará com os custos de reposição de outro conjunto, variador com chicote, ou simulador com chicote e etc.